sábado, 11 de abril de 2009

Download "Morangos Silvestres" Ingmar Bergman



RESENHA DO FILME “MORANGOS SILVESTRES”:

Escrito e dirigido por INGMAR BERGMAN Disciplina: Prática Pedagógica Curso: Filosofia Data: 15 de abril de 2007. O filme Morangos Silvestres é considerado como um dos dez melhores filmes de todos os tempos. Conta memórias do professor universitário de medicina, Isak Borg, revividas durante uma viagem para Estocolmo, onde já velho, aos 78 anos, será homenageado pelos 50 anos de carreira. Durante a viagem virão a tona lembranças alegres e desventuras de sua longa vida. Dr. Isak, na noite anterior a viagem, para receber o prêmio, em Estocolmo, sonha e o sonho repleto de alegorias o leva a refletir, é um sonho onde se vê perdido e só, onde a morte já o assusta, e vê que seu tempo esta esgotando-se. Ao acordar, impressionado pelo sonho, decide não viajar de avião, resolve viajar de automóvel, surpreendendo até sua fiel empregada que trabalha para ele há mais de 40 anos. Em uma curva surge outro automóvel em alta velocidade, em direção a eles, que deviam para evitar o choque, no entanto o outro veiculo, capota e seus ocupantes saem ilesos do automóvel, porem discutindo muito. Ajudam a desvirar o automóvel, mas aceitam a carona e seguem viagem no carro de Isak. No decorrer da viagem o casal inescrupulosamente seguem a discussão, chegando a agressão. A nora que dirigia, irritada com tal agressividade decide deixar na estrada o casal, e seguem viagem. Chegam a cidade onde mora a mãe de Isak, param num posto de gasolina, é reconhecido pelo casal que atende no posto, quando Isak quer pagar a gasolina o casal não aceita, Isak surpreso, recusa a oferta mas o casal do posto não aceita o pagamento e afirmam que não querem cobrar devido aos bons atos do passado praticados por Dr. Isak junto aquela comunidade, sensibilizado Isak aceita e deixa os rapazes, enquanto ele e a nora vão visitar a mãe de Isak. A mãe de Isak mora sozinha, na maior casa da cidade, durante a visita a nora observa a distância que existe entre Isak e a mãe. A mãe de Isak abre uma caixa e resolve relembrar alguns fatos, durante a conversa a mãe de Isak mostra-se ativa porem muito só, embora tenha vários netos, bisneto, somente algum a procura a pedido de dinheiro emprestado. A visita de Isak é breve e seguem viagem. Durante a viagem Isak, tem outro sonho, onde conversa com a prima ainda jovem que o faz ver como ele esta, ele a segue, a vê entrar numa casa com seu marido e do lado de fora da janela, vê a prima (Sara) em momento de carinho com o marido. Fica aborrecido e começa a bater na porta, para sua surpresa a porta é aberta por um homem, um inspetor, esse inspetor o leva para o interior da casa e lá, iniciam um dialogo, que faz Dr. Isak concluir que havia perdido as principais razões para um medido exercer a profissão, o inspetor sai com Isak e o leva até o bosque e lá o fazer lembrar do momento, em que no passado, há 30 anos atrás, rememora a cena que flagrou a sua esposa num ato de infidelidade, e após o ato desabafa com o amante, que soa agiu daquela forma, pois Isak, era frio e não a tratava bem, havia muita carência naquela mulher. O inspetor, que havia registrado tudo no livro de Isak, finalmente o comunica do resultado lhe dizendo que Isak estava condenado a solidão, fruto das escolhas que Isak, fez ao longo de sua vida. Isak acorda ao lado da nora que já havia estacionado, conversam a respeito do sonho e a nora resolve desabafar mais ainda, então Isak fica sabendo que seu filho ao saber que seria pai fica desesperado, avisando que não queria ser pai, pois havia tido uma infância terrível, conviveu com a desconfiança de Isak, dele não ser seu filho, e isto não queria colocar um filho no mundo para passar tanta tristeza, então a nora que quer ter o filho resolve passar um tempo com o sogro. Neste momento, Isak vê o quanto foi rude, distante, egoísta, e o quanto havia prejudicado o filho e todos os que o cercavam. Chegam ao destino e é recebido pela fiel empregada que fora de avião, já preocupada, pois chegam momentos antes da solenidade.
Conversa superficialmente como o filho e vê o filho falando com a nora também friamente. Isak tem breve conversa com o filho e este admite gostar da esposa, Isak o incentiva a tratar melhor a mulher. Após a solenidade, a nora procura Isak no quarto e o agradece pela viagem e pelas palavras dirigidas ao filho, Isak agindo agora de maneira diferente, com mais emoção e calor humano, se declara amigo da nora e esta retribui o carinho. Isak também procura aproximar-se da empregada de forma mais amigável, encurtando a distância criada por ele em tantos anos de convivência. Enfim, conseguiu superar a frieza, egoísmo e o pouco caso que fazia dos outros, desta forma conseguirá vencer a solidão.

Download:
...

Um comentário:

  1. Olá, parabens pelo blog... muito bom.

    A parte 8 não está dando pra baixar. Outra coisa, vc poderia informar se tem ou não legenda.

    ResponderExcluir