sábado, 23 de maio de 2009

Download "Através de um Espelho" Ingmar Bergman





Com Através de um Espelho, Ingmar Bergman deu início a sua “Trilogia do Silêncio”, que continuou com Luz do Inverno e terminou em O Silêncio. Todos têm como tema, como o próprio nome indica, o silêncio, seja o silêncio de Deus (recorrente na obra do cineasta), a incapacidade de comunicação ou mesmo o vazio existencial. O tema vem embalado pela música de Bach e pela brilhante, esfuziante, fundamental fotografia de Sven Nykvist (impossível falar da história do cinema sem citar o trabalho do fotógrafo sueco).
Por Através de um Espelho Bergman venceu o primeiro de seus três Oscar de melhor filme estrangeiro - venceria novamente na categoria por A Fonte da Donzela e “Fanny & Alexander”, sendo que os dois últimos venceram e foram indicados em outras categorias, como figurino, direção de arte e o fotógrafo, Sven Nykvist, talvez o maior do cinema em todos os tempos, que também venceu quatro vezes (neste Através de um Espelho seu trabalho é nunca menos que brilhante, criando uma aura especial para os ambientes que se passavam no entardecer e à noite – ele não tinha a mão os artifícios que existem hoje para externas no período noturno.
A trama parece inconcebível para os dias de hoje. Um homem egoísta praticamente abandona os filhos. Está escondendo deles sua mediocridade como escritor, pai e ser humano. Não compartilha da vida deles, renega-lhes atenção, isola-se, sendo que muitas vezes se assusta com o próprio egoísmo e os efeitos perversos que suas atitudes causam.
Sua filha (Harriet Handerson) está com problemas mentais, os mesmos que levaram a mãe à morte, e a enfermidade se agrava rapidamente. O filho, um adolescente carente, faz de tudo para lhe chamar a atenção, mas recebe de volta a frieza, o racionalismo, o desprezo, um tratamento cortês e distante. Há ainda o genro (Max Von Sydow), que cuida com desvelo de sua filha, mas cobra do sogro seu papel na família.
Entre embates verbais ríspidos, planos de tirar o fôlego e uma sobriedade de direção que fizeram o nome de Bergman figurar como um dos maiores do cinema, a trama segue seca, precisa e áspera. O diretor arranca, como de hábito, fenomenais interpretações dos atores. É um filme assustador, que fica na memória e causa enorme desconforto mesmo muito tempo depois de ser visto.

Enfim, simplesmente essencial.Fonte:

Download:

12 comentários:

  1. """ o LINK DA PARTE Nº8 ESTÁ QUEBRADO """

    ResponderExcluir
  2. As partes 7,9 e 12 estão corrompidas

    ResponderExcluir
  3. Olá mto obrigada pelo elogio , desculpe a demora pra responder é que o povo esquece o blog rsrsrs ^^ Vou baixar este filme muito obrigada por disponibilizar a fonte
    seu blog de cinema é realmente muito bom ^^
    PS* Poesia é td uhauhasu ^^
    Bjus
    Boa semana!
    ;)

    ResponderExcluir
  4. Olá, estou muito ansioso por assistir esse super clássico, porém a parte 8 está com o link quebrado, onde posso encontrá-la, já que baixei todas as demais?
    (o blog está muiito bom! Parabens!)

    P.S. Favor enviar a resposta para:
    metalcereal@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. Excelente Blog! Parabéns! Bergman é único.
    Abraços,
    Patrícia

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Sou o autor do texto "Ingmar Bergman e a Trilogia do Silêncio", que você postou em 19 de abril de 2009. Eu agradeço pelo interesse, mas tenho algo a dizer e outra para pedir! O link que você inseriu na nota nº5 do texto (bem lá no final, longe das vistas), para levar as pessoas à página de meu blog (chamado CINEMA EUROPEU), onde poderiam ver quem foi o autor... Enfim, Não considero a colocação deste link o suficiente: as pessoas vão considerar que você é o autor do texto. Meu pedido é que você coloque meu nome LOGO ABAIXO DO TÍTULO. Meu nome deve SER O LINK para o texto original no meu blog. Sempre acreditei que a internet era uma terra de ninguém onde todo mundo rouba idéias de todo mundo! Ajude-me a mudar de idéia! - ROBERTO ACIOLI DE OLIVEIRA, o autor [http://cinemaeuropeu.blogspot.com/2008/01/ingmar-bergman-e-trilogia-do-silncio.html]

    ResponderExcluir
  7. Olá, novamente!

    Após escrever a mensagem anterior, verifiquei meus textos em outros links de seu blog, peço encarecidaemente que proceda da mesma forma que pedi no comentário anterior: coloque meu nome logo abaixo do título de TODOS eles e faça do nome um link para o artigo original em meu blog (CINEMA EUROPEU.

    Não considero suficiente a inclusão da fonte do texto a partir do link chamado "Fonte". A referência deve ser feita logo abaixo do título, ou que seja ao final, mas com o NOME DO AUTOR. ROBERTO ACIOLI DE OLIVEIRA, o autor [http://cinemaeuropeu.blogspot.com/2008/05/as-mulheres-de-ingmar-bergman-i.html]

    ResponderExcluir
  8. Ola. Os Links 9 e 12 estão quebrados.

    ResponderExcluir
  9. Ola, valeu pelos links, mas o 9 e o 12 estao quebrado... até

    ResponderExcluir
  10. Alguém poderia retificar os links 9 e 12, por favor?

    ResponderExcluir
  11. o conteúdo do link 9 está corrompido! baixei 3 vezes... desde novembro 2009 estou tentando baixar esse filme aqui!

    ResponderExcluir
  12. O Blog é excelente, a qualidade dos filmes estão ótimas, porém, estou baixando 'através do espelho' e não sabia que o link 9 estava quebrado. Bem, já que é pra arrumar os links 11 e 12 estão indisponiveis, se puder disponibilizá-los seria uma grande gentileza.

    Muuuito obrigado!

    ResponderExcluir